Homenagem a memória do Embaixador Sérgio Vieira de Mello (30/01/2011)

E-mail Imprimir

Embaixadores

Sérgio Vieira de Mello Patrono do Parlamento Mundial de Segurança e Paz, sua luta não foi em vão juntamente com todos os heróis de Bagdá em Nova York ocorreu seu maior sonho, unir lideranças religiosas em prol da PAZ.

 

Com Sergio Vieira de Mello, brasileiro, chefe da missão das Nações Unidas morreram: «Nadia Younes, egípcia, chefe da equipe de Vieira de Mello. Renam Al-Farra, jordaniano, trabalhava para o gabinete de coordenação humanitária das Nações Unidas.

Ranillo Buenaventura, filipino, trabalhava para o gabinete de coordenação humanitária das Nações Unidas.

Arthur Helton, advogado de imigração norte-americano e integrante da organização não-governamental Council on Foreign Relations, sediada em Nova York, que visitava Vieira de Mello no momento da explosão.

Rick Hooper, norte-americano, trabalhava no Departamento de Assuntos Políticos. Atuou pelas Nações Unidas em Gaza. Jean-Selim Kanaan, egípcio, funcionário do gabinete de Vieira de Mello.

Chris Klein-Beckman, canadense, trabalhava como coordenador do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef.

Alya Souza, iraquiana, trabalhava para o Banco Mundial.

Martha Teas, americana, gerente de projeto para o centro de informação humanitária do Iraque.

Fiona Watson, britânica, funcionária do gabinete de Vieira de Mello, no programa de petróleo por comida.

Omar Kahtan Mohamed al-Orfali, iraquiano que trabalhava como motorista para uma organização não governamental que não foi identificada.

Raid Shaker Mustafa al Mahdawi, eletricista iraquiano que trabalhava para a unidade de inspeção de armas, UNMOVIC.

Leen Assad al Qadi, funcionário iraquiano do gabinete de coordenação humanitária.

Alyawi Bassem, iraquiano que trabalhava n, também conhecido como Mahmoud u Taiwi Basim.

Gillian Clark, 47, de Toronto, Canadá, ajudante do projeto Fundo das Crianças Cristãs.

Reza Hosseini, de Mashhad, norte do Irã, funcionária do gabinete da ONU de Coordenação Humanitária no Iraque.

Manuel Martin Ora, 57, capitão naval espanhol que atuava como ligação das forças ocupantes com a ONU. Khidir Saleem Sahir, iraquiano identificado apenas como funcionário da ONU.

Emaad Ahmed Salman, funcionário iraquiano do gabinete de Vieira de Mello.

Ihsan Taha Husein, funcionário iraquiano do gabinete da ONU». PARLEMENTNEWS

Última atualização em Qui, 08 de Setembro de 2011 14:23
Você esta em: Notícias Homenagem a memória do Embaixador Sérgio Vieira de Mello (30/01/2011)