WPO repudia qualquer tipo de racismo ou discriminação em geral.

Ter, 07 de Outubro de 2014 22:26 Acessos: 3026
Imprimir

JOSE DAVI

Venho por meio deste instrumento eletrônico mui respeitosamente informar sobre a exoneração do Sr. José Davi Belizário (ex-embaixador) do World Parlament Of Security And Peace, Parlamento Mundial de Segurança e Paz, com a sigla WPO.

 

Venho salientar que o ato administrativo do indiciado, o ex-embaixador Sr. José Davi Belizário, foi feito de acordo com os princípios legais de ampla defesa e do contraditório em referência dos fatos que estavam sendo arrolados, bem como citados e denunciados pelo Excelentíssimo Presidente  do WPO o Sr. Celso Dias Neves, após inúmeras provas contundentes dando ao Senhor José Davi Belizário amplo direito de defesa e resposta que ate a presente data o ex embaixador nunca usou deste direito de defesa.  

 

Pois os Sindicantes que foram nomeados pelo Excelentíssimo Presidente o Sr. Celso Dias Neves não tem qualquer tipo de envolvimento pessoal ou responsabilidade da culpa ou dolo dos fatos aqui narrados, que são de pura e simples autoria única do ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário.

 

Pois os Sindicantes, devido o seu respaldo de solucionar e esclarecer a verdade, e tendo a sua atribuição nesse ofício utilizar-se de todos os meios necessários para ouvir as testemunhas, obtendo informações, solicitando documentos que estejam em poder das partes e obtendo provas licitamente, cujo este ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário se nega até hoje de apresentar a sua defesa e o seu direito de reposta e, principalmente, ficando em seu poder certos pertences e objetos da instituição e de outras que ele achar melhor convir, caracterizado o abuso de poder e improbidade de material cujo este material se encontra com o mesmo.

 

Em nem um momento foi denegrido a imagem do ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário e, principalmente, as suas particularidades e intimidades, ou difamando o ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário ou descriminando por racimos ou outras formas de discriminação.

 

Pois a instituição repudia qualquer tipo de racismo ou discriminação em geral.

 

Devido os fatos apresentados anteriormente no processo administrativo, os sindicantes não têm qualquer  tipo de envolvimento com o ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário ou qualquer tipo de ligação diretamente ou indiretamente das pessoas aqui citadas por ele, os sindicantes não tendo qualquer tipo de culpa ou dolo dos atos aqui presentes e perpetrados e narrados pelo ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário, todos os fatos que foram denunciados referentes a certas pessoas e autoridades de sua cidade, é de sua inteira responsabilidade e perpetrado diretamente do ex-embaixador Sr. José Davi Belizário, pois o mesmo convivia e freqüentava no meio destas pessoas diariamente, como mostra as narrações perpetradas do ex-embaixador Sr. José Davi Belizário.

 

O Parlamento WPO é uma instituição íntegra, proba e cristalina que não compactua com atos ilícitos, ela defende a moral e os bons costumes, assim como também os direitos constitucionais e os direitos humanos, ela repudia qualquer tipo de corrupção ou crime, essa é a nossa bandeira que é reconhecida no Brasil e no exterior. 

 

O parlamento WPO não se responsabiliza pelos atos perpetrados pelo ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário cujas suas próprias denúncias foram reveladas.

 

E hoje o ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário quer acabar com as suas próprias denúncias perpetradas por ele mesmo, e querendo se passar como vitima de um complô, uma conspiração que ele mesmo a criou com as suas próprias falas, querendo distorcer a verdade que ele mesmo a fez, usando de maneira ilícita e maculando a autenticidade da verdade para difamar ex-membros da instituição propriamente dita e de outra instituição que ele antes pertencia.

 

Venho mais uma vez salientar que o ex-embaixador o Sr. José Davi Belizário tem o princípios legais de ampla defesa e do contraditório, bem como o seu direito de reposta e solicitando certos pertences e objetos da instituição.

 

 

 

Cordialmente

 

Celso Dias Neves

 

 

Presidente WPO